Publicado em 21/02/2017 às 16:13 - Autor:

Ponto de Vista: Segurança Pública – Integração das Policias. Cada vez mais se torna imprescindível levar a discussão acerca da segurança pública para um cenário mais abrangente e imparcial, longe de quaisquer vaidades ou intenções corporativistas, a fim de se definir o papel a ser desempenhado por cada um dos órgãos envolvidos com esse assunto, que é dever do Estado, nos termos da Constituição. Ou seja, a integração entre as duas polícias e a Guarda Municipal tem se revelado absolutamente promissora, de sorte que os resultados positivos são percebidos concretamente pelo cidadão de bem, que é o destinatário final das ações desenvolvidas na área da segurança e o único prejudicado com os desentendimentos entre as duas corporações. Nesse contexto, o Município tem papel preponderante em disseminar e promover a criação de um ambiente propício à integração entre as corporações, com respeito e valorização das ações executadas por cada uma delas, pois: O povo brasileiro não mora nem na União nem nos estados, mas sim nos municípios… Carlos Henrique Pinto – Advogado e Consultor Jurídico

Comentários