Cidades Destaque
Publicado em 04/05/2017 às 7:11 - Autor:

SUMARÉ : Prefeito Luiz Dalben apresenta Plano Municipal ao presidente da Alesp para tornar Sumaré município de interesse turístico

Macris dalben

Tornar Sumaré município de interesse turístico no Estado de São Paulo. Com este objetivo o prefeito Luiz Dalben esteve reunido nesta quarta-feira (dia 3) com o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Cauê Macris. O prefeito sumareense entregou nas mãos do presidente o Plano Municipal de Turismo, apresentando todas as características municipais e potencial turístico, especialmente no que diz respeito ao Polo Industrial, Tecnológico e de Negócios. Além do Plano, Luiz Dalben entregou uma série de ofícios solicitando emendas parlamentares para investimento em diversas áreas, como Saúde, Educação, Esporte, Lazer e infraestrutura urbana. “O governador Geraldo Alckmin sancionou em 2015 a lei estadual que institui a nova categoria para incentivar o turismo no Estado. São 140 novas vagas criadas e a Prefeitura de Sumaré apresenta ao presidente da Assembleia, Cauê Macris, o Plano Municipal de Turismo, onde detalhamos o potencial do município e assim pleiteamos o ingresso neste seleto grupo de municípios de interesse turístico, além de emendas parlamentares para investimentos em diversas áreas em prol da nossa população”, destacou o prefeito Luiz Dalben.

As Prefeituras classificadas vão receber recursos adicionais de R$ 700 mil em média por ano para investir na atividade. “Para ser de interesse turístico, o município precisa comprovar que dispõe de estrutura mínima, incluindo serviço médico de emergência, meios de hospedagem, restaurantes e sistema de transporte. É preciso ainda ter potencial para atrair visitantes e dispor de um plano municipal de turismo e tudo isso a cidade de Sumaré possui”, afirmou Luiz Dalben.

No mês de março, durante reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Campinas (RMC) o secretário estadual de Turismo, Laércio Benko, apresentou a proposta da lei que institui municípios de interesse turístico e afirmou que a análise não levará em conta a ordem de entrada do projeto na Assembleia Legislativa, pois o critério de escolha será técnico. “A comissão da Secretaria vai analisar se o município preenche os requisitos mínimos e emitirá o laudo que servirá de base para a votação do projeto”, explicou.

Fonte : sumare.sp.gov.br

Comentários