Cidades Destaque
Publicado em 04/04/2017 às 8:36 - Autor:

CAMPINAS : Sinfônica apresenta trilhas de filmes italianos dentro da Mostra de Cinema

camp o820
Quem nunca assobiou temas de “A Vida é Bela”, “Cinema Paradiso”, “O Poderoso Chefão” ou dos clássicos de Federico Fellini? Os autores destas composições inspiradoras, guardadas na memória afetiva, Nicola Piovani (1946), Ennio Morricone (1928) e Nino Rota (1911-1979),  estão na partitura dos próximos concertos da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, nos dias 8 e 9 de abril, no Teatro Castro Mendes. As apresentações, com regência de Victor Hugo Toro, integram a programação da Mostra de Cinema Italiano, em cartaz na cidade.
Além dos populares temas de filmes, que se tornaram clássicos do gênero, o público também poderá apreciar, durante as apresentações,  outra faceta de Nino Rota: a do grande compositor de música de concerto. Para tanto, o contrabaixista Pedro Gadelha, da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, estará como solista convidado para interpretar a peça “Divertimento Concertante para Contrabaixo e Orquestra”, escrito por Rota entre 1967 e 1971, em homenagem ao lendário contrabaixista italiano Franco Petracchi.
Músico comprometido com a pluralidade de estilos, Gadelha estudou na Academia Herbert-von-Karajan da Filarmônica de Berlim, na Alemanha, sob a orientação de Rainer Zeppertiz e Klaus Stoll. Foi membro da Ópera de Frankfurt, além de ter participado em várias orquestras e grupos internacionais, como a Filarmônica de Berlim, as sinfônicas de Colônia, Stuttgart, Frankfurt, Berlim, Madri, Galícia. Colaborou, ainda, com o grupo alemão Ensemble Modern e em outros coletivos de música contemporânea, barroca, experimental e popular.
Compositores
O programa dos concertos deste final de semana tem início com um conjunto de temas para cinema composto por Nino Rota. Neste arranjo, escrito por Stefano Spallotta, constam as canções “La Pappa col Pomodoro”, “Il Padrino”, “8 e 1/2”, “Romeu e Julieta” e “Amarcord”.
Conhecido pelas trilhas sonoras escritas para filmes de Federico Fellini, Franco Zeffirelli, Francis Ford Coppola e Luchino Visconti, Rota ganhou o Oscar pela trilha feita para “O Poderoso Chefão”.  O compositor escreveu mais de 150 partituras para produções italianas e internacionais. Ainda compôs dez óperas, cinco balés e outras obras orquestrais e orais.
Depois dos temas de filmes e da interpretação do contrabaixista Pedro Gadelha, a Sinfônica de Campinas executa a famosa trilha ganhadora do Oscar do filme “A Vida é Bela”, composta por Nicola Piovani. O público irá rememorar as belas cenas dirigidas e atuadas por Roberto Benigni, na história do pai que transforma o drama do holocausto em uma brincadeira, a fim de não destruir a inocência do filho pequeno.
Para encerrar a programação dos concertos, a Sinfônica preparou uma suíte de obras para cinema de Ennio Morricone, com arranjo de Tiago Costa. Neste arranjo de três movimentos, estão incorporados trechos de Os Intocáveis, Três Homens em Conflito – O Bom, o Mau e o Feio, A Missão, Os Oito Odiados, Cinema Paradiso, A Lenda do Pianista do Mar, Malèna, entre outros.
Um dos grandes compositores da história do cinema, Morricone tem uma vasta produção com quase 500 composições. Em 2007 foi homenageado pelo conjunto de sua obra, e no ano passado recebeu a premiação como melhor trilha sonora com o filme Os Oito Odiados, de Quentin Tarantino.
Programa
N. Rota: Suíte de temas para cinema
N. Rota: Divertimento concertante para contrabaixo e orquestra
N. Piovani: Suíte “A Vida é Bela”
E. Morricone: Suíte de obras para cinema (Arranjo: Thiago Costa)
Serviço
Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas
Regência: Victor Hugo Toro
Solista: Pedro Gadelha (contrabaixo)
Quando: 8 de abril, sábado, às 20h; 9 de abril, domingo, às 11h
Onde: Teatro Castro Mendes (Praça Corrêa de Lemos,s/nº. Telefone 19 – 3272.9359. Vila Industrial, Campinas)
Ingressos: sábado – R$30,00 (inteira), R$ 15,00 (estudantes, aposentados), R$ 10,00 (professores das escolas públicas e privadas de Campinas e das cidades da Região Metropolitana, pessoas com mobilidade reduzida e portadores de deficiências), R$ 5,00 (estudantes das redes municipal e estadual).
Valor promocional aos domingos: R$ 6,00 (inteira), R$ 3,00 (meia entrada); R$ 2,00 (professores das escolas públicas e privadas de Campinas e das cidades da Região Metropolitana, pessoas com mobilidade reduzida e portadores de deficiências); R$ 1,00 (estudantes das redes municipal e estadual).
Haverá food trucks na Praça Corrêa de Lemos, em frente ao Teatro Castro Mendes.
Fonte : PMC

Comentários