Destaque Saúde
Publicado em 24/10/2017 às 13:27 - Autor:

SÃO PAULO: Fepospetro define colocação de outdoors para campanha em favor da saúde dos frentistas de São Paulo

fenospreto
Parceria da Procuradoria do Trabalho de Bauru/SP com a Fepospetro,  campanha “Benzeno não é flor que se cheira” prevê quinze meses de ações conjuntas dos dezesseis sindicatos de SP para proteger da exposição ocupacional ao benzeno, substância cancerígena presente nos combustíveis, os cem mil frentistas do Estado
A instalação de doze outdoors ao longo das principais rodovias do Estado de São Paulo marca a nova etapa da campanha lançada no início desse mês, em Campinas/SP, e cumpre objetivo programático de divulgar, junto a motoristas e à população em geral, a proibição da prática de abastecer o veículo após o acionamento da trava de segurança das bombas. A medida, resultado da luta vitoriosa dos frentistas de todo o País para reduzir o risco de contaminação por benzeno e garantir mais segurança à saúde do trabalhador em postos de combustíveis  é uma das 14 normas  da nova Portaria do Benzeno,em vigor desde o dia 22 de setembro, e que traça mudanças gradativas a serem implantadas nos 39 mil postos de combustíveis do País “Esta publicidade vai permitir ampliar a mensagem de conscientização em saúde, que já é trabalhada de forma permanente pelos sindicatos em suas bases”, explica Luiz Arraes, presidente da Fepospetro, sobre a colocação dos outdoors que ficarão em exibição durante os meses de novembro, dezembro e janeiro em trechos das seguintes rodovias: Marechal Rondon,Washington Luiz,Castelo Branco,Anhanguera,Imigrantes,Dutra,Raposo Tavares,Fernão Dias e Régis Bittencourt.
As demais estratégias de divulgação preveem  para os quinze meses de duração da campanha a  produção e distribuição, nos postos, de milhares de camisetas e adesivos além de cem mil cartilhas, cujo modelo terá dezesseis páginas inteiramente ilustradas. Estas definições, resultado de duas recentes reuniões realizadas pela comissão na Fepospetro e no Sinpospetro de Osasco com  dirigentes dos dezesseis sindicatos participantes, seguem sob debate. Está agendado para a próxima quinta-feira, dia 25, às 11 horas, no Sinpospetro de Osasco/SP, o próximo encontro  entre o  grupo organizador  liderado por Luis Arraes  e  formado por  Raimundo Nonato de Souza, secretário-geral do Sinpospetro-Campinas-SP e membro da Comissão Nacional do Benzeno (CNPBz), Vanderlei Roberto dos Santos, secretário-geral do Sinpospetro de São Paulo, Antonio Marco dos Santos, presidente do Sinpospetro de São José do Rio Preto-SP, e Sueli Camargo, presidente do Sinpospetro de Sorocaba-SP.
 
 

 *Assessoria da Fepospetro- Leila de Oliveira  

Comentários